7 tradições curiosas de Páscoa no mundo

Para a maioria de nós, a Páscoa representa a chegada da Primavera, as férias escolares para os mais pequenos, os ansiados feriados de abril para os mais crescidos e, como não pode deixar de ser, muito ovos de chocolate…

Mas a Páscoa é celebrada de maneiras muito distintas em diferentes partes do mundo. Celebrações que vão desde uma simples árvore decorada com ovos coloridos, até fogueiras, bruxas, ou mesmo a auto-flagelação e a crucificação…

Acompanha-nos nesta viagem pelas tradições de Páscoa mais curiososas do mundo!

1. Campeonato de ovos pintados na Roménia

image bz m!Chou on flickr

Os romenos têm o costume de celebrar a Páscoa em família. Se algum dia participares num almoço romeno de Páscoa, verás que são parecidos aos jantares de Ação de Graças nos Estados Unidos. O menú consiste normalmente em 4 ou 5 pratos que incluem uma sopa agridoce chamada “ciorba”, picles, cordeiro assado, uma torta de cordeiro coberta com salsa fresca, erva-doce e cebola verde chamada “drob” e, para terminar, ovos pintados em abundância.

Na Roménia, a tradição de Páscoa mais engraçada é , sem dúvida, a “Batalha de ovos”, um campeonato em que participa toda a família e amigos. São organizados vários duelos durante os quais são lançados ovos cozidos: o ovo com a casca mais forte sai vitorioso, enquanto o perdedor está condenado a comer todos os ovos que o vencedor foi capaz de quebrar .

Durante a manhã,  há que cumprir também com a tradição de lavar o rosto com a água na qual foram imersos um ovo pintado de vermelho e um pedaço de prata. O ovo vermelho representa a saúde enquanto a prata simboliza a pureza.

2. Páscoa Sueca ou Dia das Bruxas? 

image by Familjen Benesch on flickr

Na Suécia, é tradição que as crianças se vistam como bruxas (påskkärringar). Pintam os rostos, pegam numa vassoura e percorrem as ruas e batem nas portas dos vizinhos para encher os seus sacos de doces e chocolates, exactamente como acontece nos Estados Unidos durante o Halloween.

Também é comum que na Páscoa os suecos decorem as suas casas com ramos de bétula ou de salgueiro. Para este almoço especial preparam uma espécie de buffet com vários pratos, que incluem arenque, salmão, batatas, ovos, bolinhos carne, salsichas, entre outras delícias.

3. Árvore com ovos coloridos na Alemanha

image by Osterstrauch on flickr

Na Alemanha a Páscoa começa na Quinta-feira Santa, chamada “Grundonnerstag”, que literalmente significa “Quinta tristeza.” Neste dia só se comem alimentos verdes. O prato mais comum é a sopa de sete ervas, que inclui agrião, dentes de leão, cebolinha, salsa, alho-porro ou espinafres. Para a sobremesa há o típico ovo de chocolate, mas também Osterlamm, um bolo em forma de cordeiro polvilhado com açúcar de confeiteiro, tradicionalmente cozinhado num molde de argila que emite uma suave mas irrestível fragrância. Esta sobremesa também é popular na Alsácia.

Nesta data os alemães também gostam de decorar as suas árvores com ovos coloridos. Estas árvores de Páscoa ou “Osterstrauch” dão um toque colorido às ruas e jardins e anunciam a chegada da Primavera!

4. Fogueiras na Finlândia

image by samikki on flickr

Os finlandeses acreditam que espíritos malignos assombram o Sábado antes da Páscoa, pelo que acendem fogueiras e vestem-se como bruxas. No Domingo pela manhã, as crianças saem à procura dos ovos de chocolate que os seus pais têm cuidadosamente escondidos ao redor da casa. Recordemos que os jardins nesta época ainda estão cobertas de neve…

Outra tradição na Filândia é comer “mämmi”, uma excelente sobremesa feita de farinha de centeio, melaço escuro e raspas de laranja. A preparação leva horas e o mämmi deve ser colocado no frigorífico três a quatro dias antes de ser finalmente servido com creme ou açúcar. A primeira referência à palavra “mämmi” na história foi encontrada num texto em latim do século XVI, e as teorias sobre a sua origem oscilam entre a Alemanha medieval e o Irão.

5. Omoletes gigantes em Haux, França

Image by Ray Roberts

Algumas pessoas em França gostam de comemorar a Páscoa com uma omelete gigante. Na praça da cidade de Haux, mais de cinco mil ovos são usados para fazer uma enorme omelete na segunda-feira de Páscoa e mais de mil pessoas são convidadas a participar e almoçar. Esta tradição peculiar acontece há mais de 30 anos.

Se queres preparar uma omelete gigante na tua própria cidade, aqui está a receita: 5000 ovos, 50 kg de cebola e alho e 4 kg de sal e pimenta!

6. Uma Páscoa com sangue nas Filipinas…

image by pinopic on flickr

Nas Filipinas, a Semana Santa é celebrada com procissões nas ruas e com uma performance teatral um pouco assustadora chamada “Sinakulo”. Para alguns dos devotos, esta procissão representa um percurso de auto-flagelação que por vezes termina com a crucificação. Consideram que é a única forma de sentir e agradecer o sofrimento de Cristo.

No Domingo de Páscoa os fiéis levam folhas de palmeiras à igreja para que sejam abençoadas. Posteriormente são utilizadas para decorar as suas casas.

7. Máscaras brancas nas ruas de Espanha

image by caminant on flickr

Em muitas cidades da Espanha, especialmente na Andaluzia, várias irmandades organizam procissões e representações teatrais que representam o caminho percorrido por Cristo com a cruz. Cada procissão é formada por várias figuras religiosas decoradas com flores, que percorrem as ruas encenando a Paixão de Cristo. Vários homens carregam orgulhasamente com estas pesadas figuras, acmpanhados por uma orquestra que caminha a passo lento.

Estas procissões são ao mesmo tempo perturbadoras, solenes e grandiosas. A festa mais famosa é a Semana Santa de Sevilha.