Blog de Viagens de eDreams icon
Blog de Viagens de eDreams
  •   6 min. de leitura

Praia de Sotavento (Fuerteventura) ESPANHA

Foto de hungrybrowser en Flickr

Rodeada pelo Oceano Atlântico, poderíamos dizer que a praia de Sotavento é o paraíso surfista ideal, devido aos fortes ventos que parecem não deixar de soprar nunca nesta zona. Quando a maré sobe, forma-se um lago que é perfeito para quem está a dar os primeiros passos neste desporto.

  • Nível: todos
  • Tipo de onda: suave
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: todo o ano
.

Mundaka (Biscaia) ESPANHA

Foto de Martin’s en Flickr

Esta praia tem 90 metros de longitude e 100 metros de largo. Está localizada no estuário de Urdabai, qualificada como Reserva da Biosfera pela UNESCO. Trata-se de uma zona pouco edificada, virgem e natural. A onda de Mundaka está considerada como uma das melhores esquerdas da Europa (ou mesmo do mundo). É uma onda oca e muito larga. Pode chegar a alcançar os 400 metros de longitude.

  • Nível: médio-alto
  • Tipo de onda: esquerda
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: todo o ano, excepto no Verão
.

Praia dos Lances (Tarifa, Cádiz) ESPANHA

Foto de Wanaku en Flickr

Entre as praias de areia fina e branca que caracterizam a zona de Tarifa, a praia dos Lances destaca pela sua extensão e beleza. É motivo de atracção para surfistas de todo o mundo. É uma praia urbana, pelo que dispoe de serviços de todo tipo: de limpeza, sanitários, vigilancia, restaurantes, estacionamento, etc.

  • Nível: médio-alto
  • Tipo de onda: Oleagem Moderada/Ventoso
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: todo o ano, excepto no Verão
.

Praia La Gravière (Hossegor) FRANÇA

Situada a leste da praia central central de Hossegor, “La Gravière” é uma paragem fundamental para os amantes do surf. Famosa pelas suas ondas e pelo forte vento que sopra nesta zona, esta praia é um ponto de encontro inevitável para os surfistas que procuram também lugares tranquilos e isolados.

  • Nível: alto
  • Tipo de onda:ventoso
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: todo o ano
.

Praia La Palue (Ilha de Crozon, Bretanha) FRANÇA

Aberta a todas as ondas de Oeste, a praia “La Palue” é um dos spots mais regulares da Bretanha. Apesar de ser possível fazer surf com a maré baixa, é nas horas de maré alta que as ondas ganham maior potência e largura.

  • Nível: médio-alto
  • Tipo de onda: direita e esquerda
  • Tipo de fondo: areia
  • Quando ir: todo o ano
.

Praia Lafiténia (Saint-Jean-de-Luz) FRANÇA

Foto de etibcom en Flickr

Situada na zona de Acotz, a praia de Lafiténia está numa zona selvagem e bastante isolada, sobretudo no Inverno. Rodeada por falésias, a praia forma uma baía, ao lado da qual se construiu um parque de campismo. É um dos pontos emblemáticos da costa basca e é frequentada durante todo o ano.

  • Nível: todos
  • Tipo de onda: suave
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: todo o ano
.

Bundoran (Donegal) IRLANDA

Foto de Stewart Plant en Flickr

A praia de Bundoran, na costa sudoeste de Donegal, deveria ser o ponto de partida para qualquer surfista que queira explorar os melhores lugares de surf na Irlanda. Esta pitoresca vila de pescadores está rodeada por falésias e praias de grande beleza, perfeitas tanto para surfistas experimentados como para iniciantes. Podes aceder às praias caminhando.

  • Nível: todos
  • Tipo de onda: concava
  • Tipo de fundo: rocha
  • Quando ir: setembro-novembro
.

Easkey (Sligo), IRLANDA

Foto de eastern_lines_surf_shop en Flickr

Easkey está na bonita e rochosa zona costeira de Sligo, no noroeste da Irlanda, e é considerada como um dos melhores lugares para surfar neste país. As praias de “Easkey Left” e “Easkey Right” são muito famosas e perfeitas para os iniciantes no mundo do surf. O ambiente é descontraído, calmo e amigável.

  • Nível: baixo
  • Tipo de onda: direita e esquerda
  • Tipo de fundo: areia / rochas
  • Quando ir: todo o ano
.

Thurso East (Escócia) REINO UNIDO

Foto de coachmanphotos en Flickr

Thurso East é um dos melhores lugares para fazer surf na costa norte da Escócia. Ganhou maior visibilidade desde 2006, quando foi escolhida como cenário de uma importante competição de surf e ainda é o local eleito para a realizaçao de muitas competições internacionais. Thurso East é um bom sítio para ir durante todo o ano (ainda que em temporada alta, possa chegar a encher-se de gente).

  • Nível: todos
  • Tipo de onda: direita e esquerda
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: todo o ano
.

Cornwall (Inglaterra) REINO UNIDO

Foto de Rosalind White Photography en Flickr

Cornwall não é apenas um dos destinos de férias mais populares do Reino Unido. É também um ótimo lugar para fazer surf! Os especialistas dizem que a sua localização, mergulhando de frente para o Oceano Atlântico, fazem com que esta seja uma zona perfeita para quem procura boas ondas. Cidades costeiras, como Perranporth, Polzeath e Newquay possuem excelentes praias para o surf.

Capo Mannu (Oristano) ITÁLIA

Foto de fiammetta53 en Flickr

Esta zona rochosa, famosa entre os surfistas de toda a Europa, está localizada a 30 km a noroeste de Oristano e é conhecida pelas pequenas praias e isoladas. Está exposta a todos os ventos dos quadrantes ocidentais. Durante as tempestades mais fortes as ondas podem atingir até 4 metros de altura.

  • Nível: alto
  • Tipo de onda: direita
  • Tipo de fundo: rochas
  • Quando ir: primavera/verão
.

Praia Supertubos (Peniche) – PORTUGAL

Foto de Learn To Surf en Flickr

Praia conhecida pelas suas ondas de forma perfeita e tubular. Chamam-lhe a “Pipeline” da Europa, pela grande semelhança com a onda
 Havaiana. As cristas das ondas são tão longas que criam espaços vazios, verdadeiros tubos, que atraem praticantes de surf de todo o mundo, ao longo do ano inteiro. Desde 2010 recebe uma das etapas do Campeonato do Mundo de Surf (WCT) – Rip
Curl Pro Search, em Outubro.

  • Nível: alto
  • Tipo de onda: tubular/esquerda
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: outubro
.

Guincho (Sintra / Cascais) – PORTUGAL

Foto de thomasbosboom en Flickr

A Praia do Guincho está no ponto mais ocidental da zona de Lisboa, logo depois de Cascais. Com 250 metros de longitude, é sem dúvida um dos melhores locais em Portugal para a prática de desportos náuticos, como o surf e o windsurf. Nos anos 90, o Guincho foi um dos locais da Taça do Mundo de Windsurf. Recebe anualmente vários eventos desportivos incluindo o Campeonato Nacional de Surf e Bodyboard.

  • Nível: alto
  • Tipo de onda: picos variáveis
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: julho e agosto
.

Praia da Arrifana (Aljezur, Algarve) – PORTUGAL

Foto de thomasbosboom en Flickr

É considerada uma das praias mais bonitas de Portugal e oferece uma das mais belas panorâmicas da Costa Vicentina. Estende-se por um arenal de mais de 500 metros, formando uma pequena baía protegida contra o rompimento das ondas. Fora da época balnear é muito procurada por surfistas e praticantes de Bodyboard. As suas condições naturais proporcionam ondas durante todo o ano.

  • Nível: alto
  • Tipo de onda: picos variáveis
  • Tipo de fundo: rochas e areia
  • Quando ir: todo o ano
.

Fehmarn (Schleswig-Holstein) ALEMANHA

Foto de guilupa en Flickr

Fehmarn é um dos lugares mais populares para fazer surf na Alemanha. É frequentada pelos melhores surfistas do país e inclusivamente da Europa. É ideal também para os principiantes, já que a ilha oferece numerosas baías com águas pouco profundas. É apelidada por alguns como o “Hawai da Alemanha”.

  • Nível: todos
  • Tipo de onda: direita e esquerda
  • Tipo de fundo: areia
  • Quando ir: Todo o ano (no Inverno a água está demasiado fria)
.
Nota: Um agradecimento especial ao Nuno Silva, do blog Tribo do Surf, pela sua contribuição para este post, na secção de praias portuguesas.

One response to “As 15 melhores praias da Europa para fazer surf

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

footer logo
Feito com para ti