Blog de Viagens de eDreams icon
Blog de Viagens de eDreams
  •   3 min. de leitura

Terceira maior comunidade na Tailândia, Chiang Mai ou “Rosa do Norte” é um destino imperdível no norte deste país asiático. Isolada durante muitos anos do resto da Tailândia, naquele que era o Reino de Lanna, continua a ser uma influente capital cultural.

Reconhecida em todo o país pelo seu artesanato, gastronomia e riqueza étnica, com um clima agradável e um abundante património histórico, Chiang Mai é definitivamente um dos nossos destinos favoritos no Sudeste Asiático.

Se também queres descobrir as maravilhas que Chiang Mai tem para oferecer, segue as nossas recomendações e dicas para uma estadia inesquecível!

Vista de Chiang Mai
Fonte: Flickr (via torbus)

Quando viajar a Chiang Mai?

Chiang Mai tem um clima de montanha com invernos frios e verões escaldantes, muito diferente ao de Bangkok.

O Inverno é a estação preferida pela maioria dos turistas e é também, como não podia deixar de ser, a época na qual os preços do alojamento sobre consideravelmente.

O Verão é menos popular entre os visitantes, já que as monções fazem com que o turismo nesta época seja por vezes impossível.

Se queres desfrutar de um clima ameno e de eventos tradicionais, deves viajar a partir do mês de Novembro, coincidindo com o Loy Khratong (festival de luzes) ou em Abril para celebrar o Songkran (Ano Novo tailandês).

Yi Peng Chiang Mai
Fonte: Flickr (via Taylor Shieh)

Que ver em Chiang Mai?

História, cultura, aventura e bem-estar. Chiang Mai é um destino que enquadra perfeitamente em todos os tipos de viagens. Para desfrutar da cidade e conhecê-la um pouco melhor, caminha sem rumo pelas suas ruas estreitas e deixa-te levar pelas sensações do momento.

Chiang Mai
Fonte: Flickr (via Ashit Desai)

Indispensável:

  • Os templos: só na zona interior das muralhas, Chiang Mai tem mais de trinta templos. Os mais importantes são, provavelmente, o Wat Phra Singh, Wat Chiang Man e Wat Chedi Luang. Fora da cidade, não perca o templo Doi Suthep, situado na montanha com o mesmo nome.
  • Os mercados: se bem que o mercado de Domingo é o mais famoso de todos, Chiang Mai é o lar de muitos outros mercados interessantes, como o mercado de flores, o Mercado Warorot, o mercado de sábado ou o Night Bazaar.
  • As massagens: a tradição da massagem na Tailândia é bem conhecido por todos. No entanto, Chiang Mai e o norte em geral, têm um estilo particular chamado Nuad Bo-Rarn. Recomendamos-te por isso, que desfrutes de uma relaxante massagem tailandesa durante a tua visita a Chiang Mai e até mesmo aproveitar para fazer um curso de massagem tailandesa!
  • As caminhadas: feito de montanhas e florestas, o norte da Tailândia é uma zona ideal para caminhadas. Visita, por exemplo, o Parque Nacional de Doi Inthanon ou o de Chiang Dao.
Mercado de Domingo de Chiang Mai
Fonte: Flickr (via Filipe Fortes)

Chiang Mai é também um bom destino para assistir a uma luta de boxe tailandês (Muay Thai), para uma pausa num centro de conservação do elefante asiático ou para fazer yoga!

Onde alojar-se?

Pour pouvoir profiter pleinement des attractions de Chiang Mai, nous vous conseillons de chercher un hébergement à proximité de la vieille ville. De nombreux hôtels et auberges de jeunesse se trouvent en effet dans l’enceinte des douves, ainsi que tout autour de la vieille ville.

Para desfrutar plenamente das atrações de Chiang Mai, aconselhamos-te a procurar alojamento nas proximidades da cidade antiga. Muitos hotéis e albergues da juventude estão localizados dentro do fosso, em torna ao centro histórico da cidade.

Fosso de Chiang Mai
Fonte: Flickr (via ol’pete)

A nossa seleção:

  • Orçamento reduzido : Aoi Garden, Singkarat 4.
  • Orçamento médio: Vieng Mantra, 9 Rajdamneon Road, Soi 1.
  • Orçamento elevado: U Chiang Mai, Thonon Rachadamnoen Alley.

Poderás encontrar outras opções interessantes na área de Nimmanhaemin, mais alternativo e menos turístico ou a zona do rio Ping, mais próximo aos bares e à vida nocturna da cidade.

Que comer?

A província de Lanna é famosa pela sua culinária saborosa e fresca, influenciada pelas gastronomias de Lao e Birmânia. O arroz normalmente é pegajoso, servido em pequenas caixas de vime. Tal como ocorre em toda a Tailândia, os molhos com espécies estão presentes em quase todos os pratos, mas são geralmente menos picantes do que no sul do país.

Khao Soi Chiang Mai
Fonte: Flickr (via Alpha)

Os pratos mais típicos do norte da Tailândia incluem:

  • Khao Soi: sopa de macarrão com coco, decorada com macarrão crocante;
  • Sai Oea: une saucisse très parfumée au galanga, coriandre et citronnelle ; salsicha perfumada de galanga (gengibre tailandês), com coentro e lemongrass (Cymbopogon). 
  • Larb Kua: salada picante carne picada;
  • Gaeng Hang Lay: um curry com tamarindo da Birmânia.

Obviamente, também poderás encontrar os clássicos da cozinha tailandesa em Chiang Mai, incluindo o Pad Thai (macarrão frito), o Som Tam (salada de mamão ou papaia), curry verde ou sopa Tom Yum. A comida de rua é outra das maravilhas da cidade! Finalmente, não deixes de inscrever-te num curso de cozinha numa das muitas escolas de culinária da cidade para descobrir os segredos da gastronomia Lanna.

Comida de rua em Chiang Mai
Fonte: Flickr (via su-lin)

Sentes-te inspirado? Encontra o teu próximo voo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

footer logo
Feito com para ti