Blog de Viagens de eDreams icon
Blog de Viagens de eDreams
  •   3 min. de leitura

O cicloturismo é, sem dúvida, uma boa forma de viajar, por todas as vantagens que oferece. Em bicicleta desfrutas mais do meio que te rodeia, fazes exercício físico e ao mesmo tempo respeitas o meio ambiente.

Mas se as ciclovias são agora comuns em áreas rurais de todo o mundo, que podemos dizer das áreas urbanas? Quais as melhores cidades para os amantes das duas rodas? Descobre com a eDreams quais as áreas urbanas mais populares entre os ciclistas.

Copenhaga, Dinamarca

copenhaga em bicicleta

Quase 40% dos habitantes da capital da Dinamarca usam a bicicleta para se deslocar até ao trabalho ou à escola. Algo normal, já que esta cidade é um verdadeiro paraíso para as duas rodas graças, entre outras coisas, aos 290 km de carril para bicicletas, à sinalização específica para este tipo de veículos e às dezenas de estacionamentos para bicicletas espalhados por toda a cidade. Há mais de 100 estações públicas nas quais podes recolher uma bicicleta, pagando um pequeno depósito que depois te é devolvido.

Montreal, Québec (Canadá)

montreal bicicleta

Mais de três milhões de habitantes de Quebec vivem na cidade de Montreal e entre eles há milhares de ciclistas. Uma subcultura que aqui se respeita muito e à qual se destinaram várias infraestruturas e zonas habilitadas: centenas de quilómetros de ciclovia atravessam a cidade e um sistema público de aluguer de bicicletas que, além de ser barato, é o maior de toda a América do Norte.

Amsterdão, Holanda

amsterdão bicicleta

Pensar em Amsterdão é pensar em bicicletas! E será por isso que este se tornou num dos destinos mais populares entre os ciclistas. Percorrer esta cidade a pedalar faz com que aumente o seu encanto. Tal como em Copenhaga, 40% dos habitantes da capital holandesa utilizam a bicicleta para mover-se pela cidade, o quie converte as margens dos canais e as portas dos cafés em improvisados estacionamentos. Além disso, o reduzido limite de velocidade imposto aos carros, a sinalização específica para biciletas e os parques de estacionamento subterrâneos fazem com que Amsterdão seja ainda mais agradável para passear em bicicleta.

Paris, França

bicleta paris
Fonte: @rimas555 via Instagram

Paris não é apenas o centro mundial da moda, da história e da arte. É também a cidade com o maior sistema público de aluguer de bicicletas do mundo: o Vélib. Há 20.000 bicicletas disponíveis por 1€/h (a primeira meia hora é grátis) e mais de 100 estações distribuídas por toda a cidade. Tanto os residentes como os turistas podem percorrer as ruas da cidade (ou as ciclovias) pedalando comodamente enquanto observam a incrível arquitectura da Torre Eiffel e os Campos Elísios. E para recuperar forças depois do passeio, há algo melhor que um croissant ou um café au lait?

Barcelona, Espanha

barcelona em bicicleta

Barcelona é uma cidade perfeita tanto para explorar a pé como pedalando, graças ao respeito que se tem pelos ciclistas a nível urbanístico, à eficiência do seu serviço público de aluguer de biciletas (atenção, porque o bicing é só para residentes) e às amplas ruas do centro da cidade. Nos arredores de Barcelona há percursos maravilhosas para fazer em bicicleta, como a Carretera de les Aigues (Caminho das Águas), que te oferece uma vista esplêndida sobre a cidade.

Berlim, Alemanha

berlim bicicleta

Todos os dias cerca de 400.000 berlinenses saem à rua com a sua bicicleta para ir trabalhar, mas este não é o único momento do dia em que a capital alemã se enche de ciclistas. A Câmara Municipal, descontente com estes números, decidiu investir milhões de euros nos últimos anos para converter Berlim numa das cidades melhor adaptadas para as bicicletas. Além disso, criou uma página web na qual podes consultar o estado do trânsito e as rotas mais interessantes para percorrer em bicicleta.

Portland, EUA

bicicleta em Portland
Fonte: @__tetsu via Instagram

A cidade de Portland, em Oregon, é unanimente considerada a capital da bicicleta dos Estados Unidos da América. O motivo? Quase 420km de ciclovias, um número elevado de pessoas que vai trabalhar em bicicleta (um 10% mais alto que a média nacional) e uma enorme comunidade de ciclistas.

Cape Town, África do Sul

cape town bicicleta

Sabemos que em geral as cidades africanas não são exatamente uma meca para os ciclistas. No entanto, Cape Town está a fazer tudo o que pode para alterar esta reputação e converter-se num modelo a seguir noutras partes da África do Sul. Os primeiros passos de este projecto consistem em criar ciclovias, estacionamentos para bicicletas e duches públicos para os ciclistas.

Perth, Austrália

bicicleta Perth
Fonte: @leiladyleiblog via Instagram

Com mais de 700 km de ciclovias e com muito para ver enquanto pedaleias, a quarta cidade australiana pode percorrer-se quase na sua totalidade em bicicleta. Na página web da Perth Bike Maps tens à tua disposição mapas, rotas e conselhos úteis para os ciclistas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

footer logo
Feito com para ti