Blog de Viagens de eDreams icon
Blog de Viagens de eDreams
  •   3 min. de leitura

Budapeste, a pérola do Danúbio, é uma cidade que combina a grande beleza de Paris, a energia cosmopolita e alternativa de Berlim, o plácido silêncio do maior rio da Europa (que atravessa e divide a cidade) e a magia de séculos de  história. Um destino verdadeiramente surpreendente, que deve fazer parte da lista de desejos de todos os viajantes que se prezem.

Para que possas desfrutar ao máximo desta cidade sem cair nos típicos clichês turísticos, pedimos ajuda a Antal Gambino, um blogger italiano que se deixou adoptar e enfeitiçar pela capital da Hungria. Aqui as suas recomendações com 25 experiências imperdíveis durante a tua viagem a Budapeste.

1. Visita a Terror Haza, uma antiga prisão política, primeiro nazi e depois comunista, que recorda aos visitantes os momentos mais escuros de opressão vividos na Hungria durante a após a Segunda Guerra Mundial. 

Terror Haza
Foto: @tommimarchi via Instagram

 

2. Relaxa-te num dos magníficos spas que existem na cidade. Recomendamos o Szchenyi, por exemplo, de estilo “Belle Époque”, o Rudas ou o Gellért.

Spa, Budapeste

 

3. Se viajas a Budapeste durante o Inverno, diverte-te na pista de gelo que está junto à Praça dos Heróis (Hosok ter), um belo oásis verde com um castelo no meio. 

Praça dos Heróis
Fonte: @everyday_story via Instagram

 

4. Aprende a dançar o Csángó: pé direito, esquerda, outro passo à direita e gira! 

Csango
Fonte: @peter_gattyan via Instagram

 

5. Sobe ao Corvin Teto, o último andar do edifício onde se encontra o centro comercial Corvin, com um grande terraço e uma vista esplêndida sobre a cidade.  

Corvin Teto budapeste

 

6. Deixa-te surpreender pela beleza do Parlamento. Observa-o primeiro desde o outro lado do rio e depois une-te a uma visita guiada ao seu interior. 

parlamento budapeste

 

7. Explora o grande Castelo de Buda, a residência favorita de Sissi: visita o seu enorme pátio exterior com vistas panorâmicas para o rio. No interior não deixes de visitar a Galeria Nacional. 

Castelo de Buda, Budapeste

 

8. Na zona do castelo, dá um passeio pelo Bastião dos Pescadores e visita a Igreja de Santo Stefano. A sua arquitetura é uma mistura entre a Igreja de Montmartre (Paris) e uma fortaleza medieval. 

Bastião dos Pescadores, Budapeste

 

9. Visita o Museu Nacional Korut. No jardim há um busto de Garibaldi.

Museu Nacional Korut, Budapeste

 

10. Para os mais nostálgicos, é imprescindível visitar o Memento Park, um parque localizado nos arredores da cidade, onde há várias estátuas do época comunista. 

Memento Park
Fonte: @bgosia via Instagram

11. Dá um passeio em eléctrico pelas margens do Danúbio.  

Eléctrico Budapeste
Fonte: @tuperonza via Instagram

12. Sai do centro da cidade e visita Szentendre, a vila dos artistas ao longo do Danúbio. 

szentendre, budapeste

13. Dá um passeio pela Avenida Andrassy, que leva à Praça dos Heróis: há vários café e restaurantes de estilo retro que recorda a belle époque de Paris. Durante o Verão é bastante comum encontrar concertos de rua ou espectáculos de ópera ao vivo. 

Avenida Andrassy
Fonte: @csenghi via Instagram

14. Para uma saída nocturna, recomendamos o Szimpla, classsificado pela Lonely Planet como o terceiro pub mais belo do mundo! 

Szimpla, Budapeste

15. E porque a noite é longa, aproveita para descobrir os chamados “bares ruína” (todos valem a pena!) e  tenta entrar também no Fogashaz 

Fogashaz, budapeste

16. Prova a autêntica cozinha húngara no restaurante Spinoza,  no bairro judeu, ao som da melodia de um piano que dá a este espaço um ambiente mais íntimo. 

Restaurante Spinoza, Budapeste

17. Para os estômagos mais resistentes, é fundamental provar o langos, a típica comida de rua local. Trata-se de uma espécie de grande panqueca na qual podes adicionar vários ingredientes.

langos, budapeste

18. Tens que tomar também um copo de palinka, o conhaque húngaro.

palinka, hungria

 

19. Contempla a maior sinagoga da Europa.

sinagoga Budapeste

20. Sente a energia da vida noturna no Bairro Judeu, a melhor área para ir de bar em bar.

Bairro Judeu, Budapeste

21. Para compras alternativas, perde-te entre as lojas vintage do Bairro Judeu. 

Bairro Judeu
Fonte: @vattacukka via Instagram

22. Deixa-te seduzir pelos aromas e sabores do grande Mercado Central, o mais antigo mercado coberto de Budapeste 

Mercado Central Budapeste
Fonte: @the_curated_traveler via Instagram

23. Se és um amante dos festivais de Verão, não podes perder o Sziget, o maior festival europeu de rock ao ar livre que se realiza em Agosto na ilha de Óbuda, no meio do Danúbio. 

Sziget Festival
Fonte: @jokka6 via Instagram

24. Assiste às exibições aéreas acrobáticas que se organizam  ao longo do Danúbio por ocasião do Dia Nacional da Hungria (20 de agosto) ou para celebrar algum outro feriado, como o Natal, Páscoa ou 1º de Maio.

Air Show Budapest
Fonte: @irina.fedur

25. Dá uns passos de dança no Klub Vittula, um bar underground perfeito para ouvir música alternativa e tomar uma bebida à noite. 

Klub Vittula
Fonte: @sssvarc via Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

footer logo
Feito com para ti